quarta-feira, 13 de junho de 2012

Universo Simbólico - El Morya e a Magiah Vermelha


Olá pessoal, ontem foi dia dos namorados e não ia perder essa chance de falar da maior força Mágicka existente neste Universo: O Amor.

Por ele nós fazemos muitos sacrifícios e não somos na maioria das vezes correspondidos, daí surge a cegueira emocional, o desejo além do desejo, e a solução para tal preenchimento de nossos corações se torna o apelo às forças espirituais através de ritos e feitiços. A conhecida Magiah Vermelha.

Vinda da Magiah sexual e utilizando basicamente de mesmas energias a Magiah Vermelha envolve-se em ritos, onde as forças invocadas e as entidades se relacionam intimamente com as questões de fertilidade e sexualidade. Presente em quase todas as culturas, ela é muito aceita pela massa popular que na maioria das vezes desconhecem as Leis Universais e se mostram facilmente desde simpatias, até mesmo de feitiços de amarração, separação, destruição, esfriamento, dentre outros.  A bipolaridade é um fato inquestionável, e temos que ter a consciência que a utilização desses tipos de ritos manipula diretamente o livre arbítrio das pessoas envolvidas gerando assim uma série de problemas que no momento não são levados em consideração, mas que suas consequências virão em muito breve. A utilidade da Magiah é semelhante a uma faca que dentro da sua aplicação positiva usamos para cortar, porém muitas vezes é utilizada negativamente para cometer crimes. A pessoa que a comanda é total responsável pelo ato e de certa pela consequência.

O Mestre Ascenso El Morya, do Primeiro raio da vontade Divina na Fraternidade Branca nos fala na “Inconsistência das Magias de Amor”  e pergunta o que faz ser positiva a união ou separação nesses modos, se uma das partes não concordou para que acontecesse? A pseudofelicidade é a que gera os conflitos posteriores, mas quando se cai no mundo da realidade as consequências já se tornaram empecilhos para regressar. É aí que o sentimento que de amor se transforma em obcessão doentia, decepção e desilusão desequilibrando assim a própria vida.

O Karma é um grande amigo dessas pessoas, que se prestam a reforçar Magias e usando do “favor” de entidades foscas, onde a cobrança é o prazer pela própria carne.
Entender que a Magiah Vermelha é uma interferência muito grave no Livre Arbítrio alheio que muito prejudica também a vida de quem a pratica, é algo fundamental para a evolução neste plano. Se queres ser feliz e ter um  grande amor saiba que não será pela indução Mágicka. Coloque toda a sua autoestima para fora acompanhada de belas palavras e um bom visual, vá para algum lugar de boa vibração e permita que sua aura brilhe. O Verdadeiro Amor virá para você como as borboletas em busca do pólen.

A Todos,
Pax, Lux et Nox!

Fonte: " O Amparo do Alto"- Editora do conhecimento.
" Inconsistência das Magias de amor "- Mensagens psicografadas por Hur-Than de Shidha

2 comentários:

Vinicius Pimentel Ferreira disse...

Boa, mas as leis se aplicam a todas as manifestações de sexualidade?

Rosario Camara disse...

Ahhh!!!! Pensei que se ia falar sobre a magia do amor!!!!! Não ser um "puxão" de orelha!

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hostgator Discount Code
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...